Atletismo Jogos Olímpicos Maratona

Paula Radcliffe, recordista mundial da maratona!

Foto crédito: Paula Narvaez - Jogos Olímpicos Rio - Paula Radcliffe (azul) - Arpoador
Wanderlei Oliveira
Escrito por Wanderlei Oliveira

 Alguns atletas ao primeiro tropeço – desistem. Outros, com determinação, planejamento e muita disciplina – seguem em frente. Muitos chegaram a questionar o fim da carreira da britânica Paula Radcliffe após dois “fracassos” seguidos na maratona nos Jogos Olímpicos de Pequim, 2008 e Londres, 2012. Discreta, aceitou as duras críticas e continuou o seu trabalho. No domingo, dia 2 de novembro, de 2008, dia de finados, renasceu com o tricampeonato na Maratona mais famosa do mundo – Nova York.

Foi uma prova perfeita, com parciais de 1h13min23seg e 1h10min33seg nos 21K. Para quem conhece o percurso sabe que os últimos seis quilômetros são dentro do Central Park, com subidas e curvas. Outro fato que chamou a atenção foi o ritmo forte nas sete milhas finais com parciais de 5min25, 5min23, 5min20, 5min20, 5min18, 5min12 e 5min13, o equivalente a 33min01 nos 10K finais. Uma milha equivale a 1.609 metros. Simplesmente fantástico!

Acompanhem a belíssima carreira de uma das atletas mais vitoriosas dos nossos tempos.

Paula Radcliffe nasceu no dia 17 de dezembro de 1973, em Nortwich na Inglaterra. Hoje aos 45 anos é considerada uma heroína para os britânicos, pelos seus excepcionais resultados no atletismo internacional.

No ano de 1992 em Boston nos Estados Unidos, ela tornou-se campeã mundial Junior de Cross-Country e no mês de março de 2002 (dez anos após) em Dublin na Irlanda, vence pela segunda vez o mundial, agora na categoria adulta. Outro fato interessante, assim como o atleta português Carlos Lopes que nos anos 80 e 90 era o único atleta branco a fazer frente a soberania negra de etíopes e quenianos, Paula Radcliffe, é um nome certo para vencer as principais provas do circuito internacional, impondo respeito pelas adversárias.

Ela foi treinada pelo alemão Volker Wagner, o mesmo da queniana Tegla Loroupe, ex-recordista mundial da maratona, e da etíope Birhane Adere ex-recordista mundial indoor para os 3.000 metros com 8m29seg15, sendo a primeira mulher a quebrar a barreira dos 8min30. Em Bristol na Inglaterra (2003), tornou-se campeã mundial dos 21 km com o excelente tempo de 1h06min47sec.  Nos Jogos Olímpicos de Sydney em 2000, foi a quarta colocada nos 10 mil metros com 30m26seg, sendo este seu melhor resultado para a distância (em pista).

Radcliffe também já foi recordista mundial dos 5 K (prova de estrada) com o tempo de 14min51seg. Ainda esta em seu poder o recorde mundial dos 10 quilômetros em rua com o tempo de 30min21seg, média de 3min02 por quilômetro estabelecido no dia 23 fevereiro de 2003 em San Juan (Porto Rico).

Dentre todos seus grandes resultados, é o recorde mundial dos 42.195 metros (26,2 milhas para os ingleses), conquistado na Maratona de Londres no dia 13 de abril de 2003, com a fantástica marca de 2h15min25seg, média de 3min12 por quilometro, ou o equivalente a 18,7 quilômetros por hora, que lhe deu mais fama e credibilidade internacional.

Paula Radcliffe foi eleita Atleta do Ano de 2002, pela IAAF – Associação Internacional de Federações de Atletismo.

Sobre o autor

Wanderlei Oliveira

Wanderlei Oliveira

Técnico fundador do Clube Corpore, em 1982, e do Pão de Açúcar Club, em 1992. Desde 2000 é comentarista e blogueiro.

1 Comentário

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.